Parque Nacional de Aparados da Serra

Destino: Parque Nacional de Aparados da Serra em Cambará do Sul – RS. O Clube de Observadores de Aves de Porto Alegre realizou uma visita no Cânion do Itaimbezinho, nos dias 18 e 19 de março de 2017, com a participação de 18 associados.

Aparados da Serra

Foto na Chegada ao Parque

Aparados da Serra

Foto junto à Torre de Observação

Aparados da Serra

Torre de Observação

Por que vale a pena visitar: A área onde ficam situados os Cânions do RS, a uma altitude de 900 metros, junto à divisa com Santa Catarina são de uma beleza insuperável, além de proporcionar a observação de várias espécies da região.

Aparados da Serra

Vista dos Cânions

Destaques: Além dos desfiladeiros, algumas espécies oferecem oportunidades de observação excelentes, dado que grande parte da região é de campo aberto. Os campos desta região têm diversas espécies interessantes, entre elas as marias-pretas, o gibão-de-couro, noivinha-de-rabo-preto  e diversos rapinantes.

Aparados da Serra

Maria-preta-de-penacho

Aparados da Serra

Gibão-de-couro com inseto

Aparados da Serra

Maria-preta-de-garganta-vermelha

Nível de dificuldade: O nível de dificuldade pode ser considerado médio, dado que é necessário percorrer vários quilômetros para alcançar os locais de maior interesse. O relevo do solo também dificulta um pouco, pois há áreas com bastante inclinação, além de áreas de banhado. Em compensação, como quase sempre se caminha em áreas abertas de campo, a iluminação é favorável para o registro das espécies. A estrada que atende ao Parque, RS-427 também tem trechos com muitas pedras, obrigando a trafegar em baixa velocidade e com riscos de avarias nos veículos.

Aparados da Serra

Trilha do vértice

Infraestrutura do local: a área que visitamos tem uma edificação pertencente ao Parque, onde se encontram sanitários. Não há atualmente na área do parque lancherias ou pontos de venda de alimentos e bebidas. É necessário levar todos os alimentos de fora do parque. A administração solicita também que todos os descartes sejam levados pelos visitantes, já que não há funcionários suficientes para o recolhimento. Existem áreas de campo, banhados e de colinas a percorrer, além dos mirantes do cânion. Para o pernoite, há várias pousadas na cidade de Cambará do Sul, a uma distância de 18km da entrada do Parque. Atualmente está sendo elaborado um novo plano de manejo e utilização do parque, com a inserção de diversas atividades turísticas. Há um projeto de reservar uma área especificamente para a observação de aves, com banhados, mata e campos. Esta área foi visitada pelos participantes da saída, que encontraram diversas espécies numa rápida passada.

Aparados da Serra

Sede do Parque

Como chegar: Saindo de Porto Alegre, percorremos aproximadamente 200km até a entrada do Parque, conforme mapa do Google abaixo. Inicialmente percorremos a RS-020 até Tainhas, então após dois quilômetros na Rota do Sol retomando a RS-020 até a localidade do Crespo, antes de chegar a Cambará do Sul, entrando à direita até a RS-427, novamente à direita até a entrada do Parque.

Itaimbezinho

Roteiro até Itaimbezinho, extraído do Google Maps

Quando ir:  Nos finais de semana a área tem maior frequência de visitantes que vão ao Parque para visualizar os Cânions. É melhor por isso, visitar fora dos finais de semana, quando há menos perturbação. Deve-se considerar também que diversas espécies migratórias só estão presentes na primavera-verão. No fim do verão elas retornam para o norte do país, não sendo mais avistadas no Estado. No futuro, caso seja implementada uma trilha específica para Observadores de Aves, cujo acesso será mais restrito, não haverá mais a perturbação dos turistas em geral.

Aparados da Serra

canário da terra

Álbum de fotos de diversos associados ao Clube de Observadores de Porto Alegre

gsmuller

Com formação em engenharia elétrica, sou observador e fotógrafo amador de aves. Participo do Clube de Observadores de Aves de Porto Alegre -RS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.